Um jovem, conhecido como Tota, foi morto dentro de casa por policiais militares à 00:40 de domingo 19/04, na rua Afonso de Oliveira Santos, no Jardim Colombo, na favela de Paraisópolis, na zona sul da cidade de São Paulo.

A morte ocorreu dois dias após um soldado da PM ser assassinado, a 750 metros dali.

A irmã de Tota escreveu no Facebook que o irmão foi morto na sua frente. “Tiraram você da gente inocente, meu irmão. Justiça, meu Deus”, disse.

Dois vídeos obtidos pela reportagem mostram o momento em que o corpo é levado por um grupo de policiais enquanto os familiares gritam de desespero.

“Olha o tanto de polícia dentro da casa do mano, deu uma par de tiro lá dentro. O bagulho tá louco”, disse um vizinho que gravava as imagens.

Dois dias antes, na madrugada da sexta-feira 17/04, um PM foi morto na região.

O soldado PM Felipe Jorge Pini Bubinik, 32 anos, pertencia a 1ª companhia do 16º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano.

Bubinik morreu em uma viela na rua Leandro Teixeira, por volta das 03:40 da sexta-feira 17/4.

O local onde o PM foi morto fica a cerca de 750 metros da casa do jovem assassinado neste domingo.

No sábado 18/07, às 11h da manhã, todas as viaturas da PM do estado de SP, nas 645 cidades, pararam em homenagem ao soldado.

Ele foi enterrado no Mausoléu da PM, no Cemitério do Araçá, na zona oeste da cidade.

Há um histórico de mortes cometidas pela PM em Paraisópolis, muitas delas ocorridas após a morte de policiais.

Vejam o vídeo

No ano passado, 9 jovens foram mortos durante uma ação da PM em um baile funk um mês depois que o sargento da PM Ronald Ruas Silva foi morto no local, episódio que ficou conhecido como Massacre de Paraisópolis…

Fonte:
ponte.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Urgente: Família quer transferência de bebê e hospital Carlos Macieira alega não possuir leitos

ter abr 21 , 2020
<div class="at-above-post addthis_tool" data-url="https://petrusnews.com/2020/04/apos-assassinato-de-policiais-policia-invade-casa-e-matam-suspeito/"></div>A mãe do pequeno Mike Jonathan da Silva Sousa, a senhora Maria Janaína dos Santos e Familiares, entraram em contato com a direção deste blog […]<!-- AddThis Advanced Settings above via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Advanced Settings below via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Advanced Settings generic via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Share Buttons above via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Share Buttons below via filter on get_the_excerpt --><div class="at-below-post addthis_tool" data-url="https://petrusnews.com/2020/04/apos-assassinato-de-policiais-policia-invade-casa-e-matam-suspeito/"></div><!-- AddThis Share Buttons generic via filter on get_the_excerpt -->