A fazenda onde José Reginaldo de Santana Júnior, de 31 anos, foi morto após cortar a energia do local, tem uma dívida de R$ 28 mil com a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe).

Fazenda Haras Vovó Zito localizada às margens da rodovia PE-95, na zona rural de Limoeiro/PE. As informações são do G1 PE.

Segundo depoimento à Polícia Civil do técnico da Celpe, que a TV Globo teve acesso, a equipe foi alvo de ameaças e tentativa de suborno antes do crime ocorrido na tarde da terça-feira (29/09).

Eletricista da Celpe foi morto tentando cortar a energia elétrica de cliente em Limoeiro Reprodução/WhatsApp

A testemunha do assassinato contou ao delegado Fabrício Pimentel que chegou à fazenda, junto com o colega José Reginaldo, por volta das 14h17, em uma caminhonete da companhia.

A porteira estava destrancada e eles foram conferir o medidor, verificando que a medição do imóvel não tinha irregularidades.

O técnico relatou que, enquanto realizava a suspensão do fornecimento de energia da fazenda, uma mulher que estava dentro da residência informou que o proprietário do imóvel estava no centro da cidade, mas voltaria em breve.

Em seguida, a esposa do proprietário do imóvel chegou ao local e permaneceu em silêncio.

Enquanto ele e José Reginaldo recolhiam o material para irem embora, chegou ao local um homem que trabalhava na fazenda, que estava falando no telefone com alguém, e disse à dupla: “Religa a energia que nós vamos dar um negocinho para vocês”, conforme depoimento.

O técnico disse que ele e o colega negaram a oferta e, quando estavam saindo do local, chegou o proprietário da fazenda, que ofereceu dinheiro para que religassem a energia do imóvel, sendo a oferta novamente recusada.

Em seguida, o proprietário entrou na casa e os funcionários da Celpe voltaram para a caminhonete da empresa, mas perceberam que a porteira estava trancada com cadeado.

Conforme informado à polícia, quando voltaram à casa para pedir a chave, o proprietário veio ao veículo da companhia com um revólver na cintura e uma arma longa na mão apontando para a dupla, ordenando que os dois funcionários da Celpe jogassem os celulares para fora do veículo.

Também de acordo com o depoimento do técnico, o proprietário apontou a arma para José Reginaldo e disse para ele religar a energia e o eletricista obedeceu e desceu do veículo, mas foi baleado quando estava próximo ao porta-malas.

José Reginaldo de Santana Júnior, de 31 anos, foi morto a tiros em Limoeiro, no Agreste do estado Reprodução/WhatsApp

Em seguida, o proprietário ordenou que o técnico religasse a energia e ameaçou matar a mãe do funcionário caso ele o denunciasse.

Depois, o técnico foi trancado dentro do porta-malas do veículo da Celpe e, após 10 minutos, um homem que se identificou como advogado do proprietário o liberou.

O advogado do proprietário da fazenda disse à TV Globo que o suspeito do crime deve se apresentar à polícia ainda nesta quarta-feira (30/09).

com 180 graus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Vídeo: Mulher assassinada em Mãe do Rio no Pará

qui out 1 , 2020
<div class="at-above-post addthis_tool" data-url="https://petrusnews.com/2020/10/fazenda-onde-eletricista-foi-morto-por-corte-de-energia-tem-divida-de-r-28-mil/"></div>Na madrugada de terça-feira 29/09, a jovem Marcela de Cássia Galdino, de 25 anos, foi morta com tiros na cabeça em Mãe do Rio, município […]<!-- AddThis Advanced Settings above via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Advanced Settings below via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Advanced Settings generic via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Share Buttons above via filter on get_the_excerpt --><!-- AddThis Share Buttons below via filter on get_the_excerpt --><div class="at-below-post addthis_tool" data-url="https://petrusnews.com/2020/10/fazenda-onde-eletricista-foi-morto-por-corte-de-energia-tem-divida-de-r-28-mil/"></div><!-- AddThis Share Buttons generic via filter on get_the_excerpt -->